A decepção com o filme Noé

Condenam o filme Noé como herético, como se pudesse sair alguma coisa não herética de Hollywood. A decepção com o filme Noé também é uma decepção com a ideia de que o Evangelho deve ser comunicado pela arte como o cinema e a música. A mensagem do simples púlpito na igreja perde importância nesta geração. O cinema tem obrigação de ser fiel a Bíblia só por que escolheu Noé? Muito acreditam que sim. Reclamam do filme Noé como se reclama de um pregador que fala besteira.

Exigir que o cinema hollywoodiano nos alimente como a mensagem do púlpito. Isso é um problema, não o filme Noé.

P.S.: Não assisti Noé, a sala de cinema mais próxima fica 600 km de onde eu moro.